Geni é uma revista virtual independente sobre gênero, sexualidade e temas afins. Ela é pensada e editada por um coletivo de jornalistas, acadêmicxs, pesquisadorxs, artistas e militantes. Geni nasce do compromisso com valores libertários e com a luta pela igualdade e pela diferença. ISSN 2358-2618

“Dê um rolê e você vai ouvir…”

Download PDF

Mal começou 2014 e nem pudemos ficar de boa tomando nossos bons drinques. A realidade não deixou ninguém se desligar, e janeiro chegou chiando. O mês foi digno de um “Estado policial” – ao menos em São Paulo, onde a polícia realiza ações mais que controversas, ameaça moradores e advogados, atropela e atira em manifestantes. O barulho do funk (ostentação, diga-se) incomodou as redomas de vidro dos templos do consumo. E o ano promete mais desafios.

Mas aqui na Geni nós ainda estamos de férias. Mês passado, fizemos uma edição especial, só com trabalhos de criação artística. Na edição deste mês, enquanto trocamos de biquíni sem parar, optamos por apresentar resenhas do que temos visto e lido por aí. Quando se fala em “resenha” rola sempre uma cara amarrada, e a ideia de que vem uma cagação de regra seguida de spoilers. Deixemos de preconceito! O que apresentamos aqui nada mais é que troca de ideias e referências, um diálogo com obras numa perspectiva que integra os diferentes olhares dxs que compõem esta edição da revista.

Nossas resenhas apontam para um modo de ler a cultura numa perspectiva de gênero. É o jeitinho Geni de ser, congregando diversos olhares. Dá pra todo mundo! Livros de autorxs badaladxs e desconhecidxs, HQ, filme underground e novela das 9. Boas dicas pra inventar as férias e arejar um pouco a cabeça neste começo de ano duro de roer.

Além disso, publicamos o relato da ida da Geni ao Pantanal. Lia Urbini, Luiz Pimentel e Carolina Menegatti estiveram em Piraputanga, no Mato Grosso do Sul, e lançaram a revista no evento de performance Adversidade. Entre dores próprias e alheias, eles trazem a boa notícia de que, apesar das violências todas, tem muita gente dando rolê legal neste país.

Mês que vem a gente volta com a nossa programação normal. Por enquanto, faça um suco, faça amor, tire a roupa pra não morrer de calor e clique aqui.

Coletivo Geni, fevereiro de 2014

 

HTML permitido: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>